Introdução

Página Modificado pela última vez 2016-04-19 19:32

Os países da Europa

Albânia
Alemanha
Andorra
Áustria
Bielorrússia
Bélgica
Bósnia-Herzegovina
Bulgária
Croácia
Chipre
República Checa
Dinamarca
Eslovénia
Espanha
Estónia
Federação Russa (parcialmente)
Finlândia
França
Antiga República Jugoslava da Macedónia
Grécia
Holanda
Hungria
Islândia
Irlanda
Itália
Cazaquistão (parcialmente)
Letónia
Liechtenstein
Lituânia
Luxemburgo
Malta
Moldávia
Mónaco
Noruega
Polónia
Portugal
República Eslovaca
Roménia
São Marino
Sérvia-Montenegro
Suécia
Suíça
Turquia (parcialmente)
Ucrânia
Reino Unido
Vaticano

INTRODUÇÃO

Esta publicação resume um importante relatório sobre o ambiente europeu que foi preparado pelo Grupo de Trabalho da CE para a Agência Europeia do Ambiente, em colaboração com a CEENU, o Programa das Nações Unidas para o Ambiente (PNUA), a OCDE, o Conselho da Europa, a OMS, a União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN) e o Eurostat, juntamente com os países da Europa a título individual. Intitulado O Ambiente na Europa: O Relatório Dobris, o relatório abarca o estado do ambiente numa Europa de quase 50 Estados.

O relatório destina-se a todos os que se ocupam profissionalmente do ambiente, assim como aos que têm um interesse mais geral. O seu objectivo é proporcionar uma base mais objectiva aos responsáveis pelo planeamento e pelo desenvolvimento, envolvidos na elaboração de programas e políticas em áreas ambientais e sectores afins. Deve servir também para informar e alertar as pessoas em geral acerca dos problemas ambientais que a Europa enfrenta actualmente.

Esta síntese foi elaborada para tornar o relatório mais acessível, apresentando alguns dos resultados e conclusões mais importantes a que se chegou.

ANTECEDENTES DO RELATÓRIO

A Conferência das Nações Unidas sobre Ambiente e Desenvolvimento (CNUAD), realizada em Junho de 1992, salientou que todos os países tinham de partilhar uma nova responsabilidade em matéria de protecção ambiental para que o desenvolvimento sustentável pudesse tornar-se uma realidade. O plano de acção da CNUAD, "Agenda 21", delineou as acções necessárias para pôr fim à degradação do ambiente e fazê-la recuar, permitindo um desenvolvimento sustentável em todos os países.

Estas preocupações têm também sido objecto de uma série de iniciativas europeias. A Conferência Ministerial de Bergen (Maio de 1990) sobre o desenvolvimento sustentável na região da CEENU realçou a necessidade de melhorar a informação existente acerca do estado do ambiente. Inspirada pelas mudanças que ocorriam na Europa Central e de Leste, realizou-se em Dublin uma reunião conjunta de ministros dessa região, da União Europeia e da EFTA, em Junho de 1990. Esta reunião propôs que se realizassem conferências ministeriais regulares a nível europeu para tratar de assuntos ambientais. A primeira destas conferências 'pan-europeias' teve lugar no Castelo de Dobris, na ex-Checoslováquia, em Junho de 1991. Foi nesta conferência que se decidiu fazer o presente relatório sobre o estado do ambiente europeu. A segunda conferência realizou-se em Lucerna (1993) e a terceira está marcada para 1995, em Sófia, com o fim de adoptar um Programa Ambiental para a Europa (PAE), para o qual este relatório representa um contributo essencial.

Estrutura do Relatório

O relatório é apresentado em várias partes. A primeira parte apresenta o contexto e as técnicas de estudo utilizadas. A segunda avalia o estado do ambiente em oito áreas diferentes. A terceira parte examina as pressões que se fazem sentir sobre o ambiente e a quarta descreve a origem dessas pressões - as actividades humanas - em oito sectores diferentes. A quinta parte sumariza doze graves problemas ambientais na Europa. As principais conclusões do relatório são apresentadas na sexta parte, resumindo para cada tema as descobertas, respostas e opções políticas importantes, bem como os pontos fortes ou as lacunas da informação. Um compêndio estatístico é publicado pelo Eurostat em separata.

   
 
Ações do documento
Agência Europeia do Ambiente (EEA)
Kongens Nytorv 6
1050 Copenhagen K
Dinamarca
Telefone: +45 3336 7100